Aposentadoria

Foram três meses de internação, UTI, gaiolas, exames, tratamentos e frustrações, na tentativa de salvar a Catarina.

Nas palavras dos veterinários, não há mais nada que possa ser feito, o caso é “perdido”.  Além da lista infinita de problemas que já conhecíamos, a lesão no pâncreas afetou também seu intestino, que perdeu as vilosidades para absorção dos nutrientes.

Em resumo, Catarina come, come, come, come de forma desesperada e, mesmo assim, está literalmente morrendo de fome, sem que possamos ajuda-la.

Só que ela discorda.  Catarina amanhece todos os dias querendo viver.  Mia, pede carinho, se esfrega, tira cochilos e devora sachês com vontade, ignorando solenemente o diagnóstico que lhe foi dado.

Sei que uma gata de 14 anos, cega, banguela, porcalhuda, com AIDS, pancreatite, problemas nos rins e no intestino é sinônimo de trabalho.  Pior, é sinônimo de custos altíssimos e demanda atenção especial, duas coisas das quais não disponho no momento.

Mas Catarina é muito mais do que isso.  É doce como poucas gatas que conheci, carente, amorosa, guerreira, grata, uma verdadeira lição de vida.

Foram anos de abandono e negligência, não seria justo desistir bem agora, quando sua merecida aposentadoria chegou, com direito até a uns dias de férias e tratamento VIP na casa da Tia Sheyla (como agradecer?).

Por isso, meu presente de dia das mães será entregue mais cedo esse ano: Catarina teve “alta” e entra hoje, de forma oficial, para a nossa família.

Seja bem-vinda, filha!

Espero que eu possa fazer você feliz pelo tempo que tiver, seja ele qual for.

#fiapinho

#correntedobem

#maktub

Foto post Catarina 2

14 pensamentos sobre “Aposentadoria

  1. Adotei a Lullu com felv há dois anos e 7 meses, ela tinha 6 anos, 6 anos de Rua. Mas estava até bem, ganhava ração e água, mas não tinha família. Vacinei 16 gatos para conviverem com ela. Ela estava super bem, gordinha, até que há 6 semanas, aos quase 9 anos, desenvolveu uma anemia que evoluiu muito rápido. Lullu morreu faz 2 semanas e levou um pedaço de mim. Eu sabia que seria difícil, mas não sabia quando. Eu sabia que sofreria e morreria um pouco com ela, mas em nenhum momento pensei em não adotar. Escolhi ser sua mãe até o fim difícil, e ele veio mais cedo do que eu esperava.

    Lembra quando escrevi que ela precisava de casa, de carinho? É a sua vez. Viva um mês ou viva alguns anos, ela precisa saber o que é ser amada.

    • Estou acostumada a pegar casos assim, são meu calcanhar de Aquiles, mas continuo me comovendo sempre, não sei se isso é bom ou ruim…
      Espero que seu coração fique em paz e que essa dor vire logo uma saudade gostosa, sem rastros de tristeza. Três anos de vidinha boa, graças a vc. Isso não tem preço, especialmente para quem só conheceu o abandono. Parabéns por fazer a diferença na vida dela 🙂

  2. Oi Paula,
    Moro em apt e tava doida pra arrumar im gatinho pra minha filhinha de 3 anos, mas não entendo naaada de gatos, infelizmente… cresci no meio de cachorros, mas meu marido não curte mt. Vc pode me ajudar indicando as melhores raças para crianças e apartamentos?

    • Oi, Cibele!
      A melhor raça é uma só: vira-lata! Rssss
      Todos os meus são SRD, não compre um bichinho não, adota, vai!
      Existem milhares esquecidos por aí, apenas esperando uma chance.
      Estou à disposição para ajudar com dicas, informações, tudo o que precisar (e para doar também, rsssss)
      Beijo grande e boa sorte!

  3. Ah, detalhe: decidi dps de ler seu post “A culpa não é do gato”, a respeito da toxoplasmose… pretendo engravidar logo e estava adiando a surpresa pra minha filhota por falta de informação. Obrigada!

  4. Pingback: Canção para vc viver mais… | PAULAtinamente

  5. Pingback: Notícias da Catarina | PAULAtinamente

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s