Quando um exemplo vale mais do que mil palavras – parte 3

Daí eu escrevi sobre o Pistache e sua guerra com os demais gatos de casa, em especial seu arqui-inimigo, o Greg.

E, como era de ser esperar, hoje cedo o pau comeu.  De novo.  Assim que abri a porta do quarto.

Já estava me preparando para sair correndo, quando a Pi entrou na sala de TV, separou a briga e colocou ordem no poleiro – pouco antes de quase despencar dele (pretendia cortar essa parte do vídeo, mas aqui é jornalismo verdade).

Não sei se fico mais orgulhosa pelo cuidado, pela lição de moral (“Dicupa ele” ♥) ou pelos beijos e carinhos à distância, já que ela não consegue chegar perto de nenhum dos dois.

Minha filhota só tem dois anos, porém já aprendeu o que é respeito e amor incondicional.  Ela não precisa de nada em troca para amá-los e se preocupar com eles.  Não precisa pegar no colo, fazer carinho, nem que os dois participem de suas brincadeiras.

Pilar já entendeu que família funciona assim.  Todos juntos, sempre, sem nunca abandonar, nem esquecer.

Como não morrer de paixão?

#ohana

#correntedobem

#sementinha

#amormaiordomundo

4 pensamentos sobre “Quando um exemplo vale mais do que mil palavras – parte 3

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s