Diálogos com o maridón – parte 8

Sei que postei um episódio dos “Diálogos com o Maridón” essa semana, mas a verdade é que tenho vários pendentes e resolvi desovar alguns, já que esse é um material que sempre se renova na minha casa.

Outro dia foi aniversário do maridón e eu não sabia o que comprar de presente.

Depois de doze anos juntos e sete casados, não há criatividade que chegue, esgotei todo o meu repertório.

Pensei, pensei, pensei e desisti. Resolvi apelar direto para a fonte:

Eu: – Bo, o que vc quer de presente esse ano? Roupas? Viagem? Perfume? Eletrônicos? Uma noite inteira de sono?

Maridón: – Hummmm… tem uma coisa que eu quero faz um tempão, posso pedir?

Eu: – Pode, vai… O que é?

Maridón: – RASPA MINHAS COSTAS, por favor?

Fuén, fuén, fuén…

E eu pensando que uma pessoa xis ME telefonar, no dia do MEU casamento, para pedir carona até a cerimônia tinha sido a pior proposta indecente da minha vida. Tolinha.

Certas coisas só o casamento faz por vc.

#lógicamasculina

#donjuanfail

#quedeselegante

5 pensamentos sobre “Diálogos com o maridón – parte 8

    • Obrigada, Alê! Adorei!!!
      Não sabia que isso existia, nem como funciona, mas lendo seu post entendi e vou providenciar.
      Só é difícil pensar sete coisas sobre mim que eu ainda não tenha tagarelado aos sete ventos! Hahahahahaha!

      • Ah, Paula, do jeito que você tem boas histórias, tenho certeza que dá para você escrever umas 50 coisas, vai. Abraço, Alessandra.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s