Coleção outono-inverno :)

Não vou dizer que a Shae está ótima e que estamos sapateando na cara da sociedade, porque já aprendi a lição.

Apenas vim mostrar, de forma bem despretensiosa, que ela está arrasando na coleção outono-inverno do berçário lá de casa 😉

E também contar que ela foi contratada como estagiária de direito e está causando me ajudando horrores no escritório, apesar de ter sido pega dormindo algumas vezes durante o expediente. Geração Y, fazer o que, né?

Go, Shae!

#milagrinho

Imagem

Minha gigaaaaaaaaaaaaaaante! :)

Shae continua atrasadinha, não se desenvolveu rápido como os irmãos, que já podem comer ração seca.

Ela não tem os dentes que deveria, não come sozinha e tem os sentidos (visão e olfato) prejudicados, mas ainda não dá para saber a extensão do problema, nem se essas sequelas serão permanentes.

A boa notícia é que ela está mais espertinha e ultrapassou a incrível barreira dos DUZENTOS GRAMAS, praticamente uma gigante.

Continua morando na minha blusa, pia cada dia mais forte e já aprendeu a mamar, não preciso mais colocar sonda, nem ficar forçando com a seringa.

Shae é uma guerreirinha e quer viver, não poderia nunca morrer em uma caixa de papelão no meio da favela, sem ter tido a chance de lutar.

Ainda bem que tudo deu certo e ela veio parar aqui. ♥

Go, Shae!

#milagrinho

Imagem

Diálogos com o maridón – parte 6

As meninas estão doentes e passamos a TERCEIRA noite seguida em claro, cada um cuidando de uma.

Sete da manhã, a Pi finalmente dormiu, maridón foi fazer inalação na Lily e eu levantei para dar mamadeira para a Shae, usando um modelito exclusivo, o moletom do colégio onde estudei há dezesseis anos (cof, cof, cof), bem macio e velhinho, porque ninguém é de ferro nesse clima polar.

Maridón me seguiu até o banheiro, parou atrás de mim no espelho e soltou:

– Engraçado, né? Quando começamos a namorar, vc não quis usar moletom velho na fazenda, para não perder a magia do dia a dia. Agora está aqui, toda DESGRENHADA, sem nenhuma cerimônia e tudo bem. Deve ser amor, né?

Desgrenhada. DES-GRE-NHA-DA.

Ok, eu já deveria estar acostumada, o histórico de elogios dele não é lá muito favorável, mas olha… nem sei o que dizer.

Após uma noite difícil, nada como começar o dia com uma declaração de amor.  Só que ao contrário.

Se eu matar, alguém me defende?

Fuén, fuén, fuén.

#lógicamarculina

#tiropelaculatra

#donjuanfail

Update: Maridón leu o post e protestou: “A palavra foi ESCANGALHADA, não desgrenhada”.  Ah, tá. Alguém telefona para ele e dá um toque, por favor? Tipo, “não mexe, que está piorando”? Obrigada.

Entre tapas e beijos

Da disputa pelo pão de queijo (gordinha só faz gordice)…

… ao abraço mais fofo do mundo e região, em apenas dois passos.

Porque crescer junto é mesmo tudo de bom.

Como não amar? ❤

NA: Participação especial da Titi, com fita crepe no braço e havaianas com meias, só para provar que o vídeo não foi montado. Jornalismo verdade, a gente vê por aqui 😉

Equipe de apoio

Por que adotar uma gata idosa, caolha, com FIV e gastrite?

Porque gratidão é daquelas coisas que não tem preço nessa vida.

Salomé viu que eu estava sobrecarregada aqui na enfermaria e resolveu dar uma mãozinha.

Ao invés de fazer fuuu para a Shae, como todos os outros, ela a cheirou. E depois deu banho, como as mamães fazem com seus filhotes.

Amor incondicional é para poucos.

Ainda bem que eu tive o privilégio de acompanhar tão de pertinho ♥

#correntedobem

#milagrinho

#ohana