Zé do Caroço – parte 2

Já contei aqui do dia em que “perdi” o mendigo do bairro e o encontrei lendo, perto de casa.

Achei que tivesse sido um fato isolado.  Porém, hoje, indo para o trabalho, me deparei com uma cena parecida:

Imagem

Fiquei ali parada por vários minutos, olhando em um misto de interesse, curiosidade e pena.

Em uma era tecnológica e impessoal, na qual quase não se escreve mais a mão, vi aquele morador de rua resgatar uma poesia e um sentimento de amor ao próximo, que nem sei explicar.

O que será que ele estava escrevendo?  Para quem?  Será que ele tem família?  Parentes ou amigos longe, em outro estado, talvez?  Será que o texto fazia algum sentido ou eram apenas palavras soltas, desconexas?

O que aconteceu para ele acabar morando na rua?  Desemprego?  Álcool?  Drogas?  Desilusão?  Abandono puro e simples?

O farol abriu, fui embora relutante, pensando no que poderia fazer para mudar a vida daquela pessoa – se é que ele pretende mudar de vida – e no limiar tênue que nos impede de terminar assim.

Fui embora, pensando que esse cara é só mais um entre tantos “Zés do Caroço” espalhados pela cidade, com histórias difíceis, vivendo sem o mínimo necessário, sem dignidade, sem sequer serem notados.  Homens invisíveis, que um dia podem ter sido trabalhadores, pais de família, artistas talentosos ou seu vizinho, que se perdeu pelo caminho, pelas mais diversas razões.

Só mais um.  SÓ MAIS UM.

E assim a vida segue, nossa rotina continua.  Mas não deveria.

#diasdecalvin

#correntedobem

2 pensamentos sobre “Zé do Caroço – parte 2

  1. Moro no centro de São Paulo, aqui na rua tem uma mulher que também vive escrevendo… sempre tive curiosidade em saber oque tanto ela escreve, que ideias ela tem, como ela vê o mundo, porem ela e uma daquelas pessoas que não fala com ninguém. Passa o dia no canto dela rabiscando cadernos e revistas, sempre quieta. Quando minha mãe tentou ajuda-la ela não aceitou, infelizmente… Ela deve ter sofrido muito na vida, pois só isso explicaria o motivo por ela não confiar nas pessoas….. Infelizmente!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s