O glamour da amamentação (#not)

Meninos do meu Brasil, recomendo que vcs não leiam esse post, pois contém altas doses de sinceridade feminina envolvendo peitos e mamilos, não de forma simpática. Caso vcs ignorem meu conselho e decidam seguir com a leitura, é por sua conta e risco. Depois não digam que não avisei.

Amamentar é lindo, mágico, especial, um privilégio. Mas, no começo, DÓI. Muito. De verdade. Ninguém contar isso para a gente até a hora H, só pode ser pura maldade.

Não falo apenas da dor nos bicos dos seios, que racham, sangram, etc e tal. Essa parte até é esperada e consegui contornar usando bico de silicone no primeiro mês (#ficaadica)***.

Para mim, o pior foi a cólica que amamentar causa nos primeiros dias, em função da liberação da ocitocina. Lembrando que eu ainda tinha o corte da cesárea, para ficar mais gostoso. Eu amamentava me contorcendo, com lágrimas nos olhos. Lindo, só que não.

Parece que existe um botãozinho. Vc acopla a criança, seu útero se contrai e tudo dói. A criança solta e o alívio é quase imediato. O único consolo é que – segundo os médicos – essa dorzinha é do bem, significa que seu útero está voltando ao lugar ou, em outras palavras, que vc voltará a ser magra um dia. Ok, me convenceram.

Claro que essa tortura medieval não dura para sempre. Em poucas semanas as cólicas passam, seu corpo se adapta à amamentação e aí é só correr para o abraço. Momentos inesquecíveis garantidos, pode confiar e comprar ingresso. Tanto que doei leite durante a amamentação da Pi e pretendo fazer o mesmo na da Lily, se conseguir.

Outra coisa que ninguém fala é que os peitos não têm trava automática, para avisar quando estão cheios, tipo: “tudo bem, galera, está tudo certo por aqui, temos estoque assegurado, podem fazer um intervalo”. Ou seja, se vc não amamentar no horário certo, além do bebê chorar de fome, vc VAZA. Isso mesmo, o leite começa a escorrer pela sua roupa, esteja onde estiver, inclusive em público. Peitos cheios não têm a mínima noção de convenções sociais.

Nesses momentos constrangedores, sua nova melhor amiga tem nome e sobrenome: concha de silicone. É ela que vai segurar todo o excesso e impedir que vc passe vergonha no meio de todo mundo. Para quem não a conhece, nada mais é do que um pedaço de plástico em formato de concha, que fica dentro do sutiã e segura o excesso de leite. Simples, fácil, prático e, ao mesmo tempo, brilhante.

Eu, gênia, demorei MESES até descobrir que existem dois tipos: a aberta, para usar durante o dia, e a fechada, para usar durante a noite. Na minha linda cabecinha lactonta, imaginava que vinham quatro no pacote por precaução do fabricante ou para se ter um kit reserva, para emergências (vai que nasçam mais dois peitos em vc, de repente?).

Mas se vcs acham que o lado B da amamentação acabou, nananinanão.  Ligue agora e ganhe inteiramente grátis, sem precisar de requisição, conselhos e dicas IN-FA-LÍ-VE-IS de completos estranhos para “proteger o bico” (ah, os palpites…).

Ouvi pérolas óteeeeemas como: “rala o peito com uma bucha durante o banho, na gravidez” (porque faz todo sentido sofrer desde já, ao invés de sofrer só na hora), “queima o mamilo com uma lâmpada forte, para calejar” (precisa comentar?), “toma sol de topless, para a pele ficar menos sensível” (hello, câncer de pele?!), “coloca casca de mamão no sutiã”(quem aguentaria o cheiro, minha gente? Eu nem curto mamão tanto assim!), e por aí vai.

Não vou nem entrar no mérito se funcionam ou não, cada um faz o que quer. Eu, por exemplo, preferi ignorar e manter o resto de dignidade que ainda me restava.

Porém, se querem uma dica de alguém que acabou de passar por essa fase e está prestes a começar tudo de novo, relaxem.  Só isso.  No começo é difícil, mas passa.  Não se mutilem durante a gravidez, não caiam nessas receitas “milagrosas”, não fiquem surpresas se doer, nem achem que será eternamente assim.  Amamentem devagar e sempre, não tenham medo de abusar dos pads geladinhos, pomadas de lanolina e usem bicos de silicone nos primeiros dias.

Se eu pudesse dar só uma dica sobre amamentação seria esta: bicos de silicone. Bicos de silicone são o sunscreen da amamentação***.

Palavra de Paula Bial.

UPDATE *** Anos depois, grávida da terceira filha, fui aprender que chupetas, mamadeiras e bicos de silicone são verdadeiros vilões da amamentação.  Interferem, atrapalham, desestimulam. O ó do borogodó.  Então, achei melhor correr aqui só para desdizer tudo que disse.  É o bom e velho cuspir para cima e esperar cair na testa, tão típico da maternidade.  Isso sim é dica boa e valiosa: só sei, que nada sei.  E segue o jogo.

7 pensamentos sobre “O glamour da amamentação (#not)

  1. Oie! Acho que vale dizer que dói mesmo um pouco no começo, mas meu peito nunca rachou nem existia protetor ou hiper cremes na minha época. Outra coisa, pelo menos nos meus dois partos normais (sorte, não pregação) a dor no útero foi bastante discreta, uma dor de barriga forte no comecinho.
    De resto a gente vazava mesmo. Punha algodão para segurar um pouco, mas acho as conchas o máximo e os pads super práticos.
    bjs

    • Eu também dei sorte, os meus não racharam nem sangraram. Mas a cólica judiou no primeiro mês. Com certeza, nesse aspecto deve ser pior para quem faz cesárea, não tem jeito. Mas a notícia boa é que tudo se ajeita, né? 😉
      Beijinhos, tia!

  2. kkkkk
    Eu nunca tinha lido um post sobre amamentação tão engraçado (não que eu leia muitos, mas enfim). Tô recomendando o seu blog pras futuras mamães que eu conheço. E a Pilar está linda demais.
    Bjos e vamos que vamos!

  3. Eu não tive essa cólica, mas to muito em dúvida se não é o bico de silicone que está fazendo com que ele engula ar e tenha cólica. Pra mim é um alívio o bico, mas to com peso na consciência sobretudo pq na internet o que vc mais encontra são essas prepotentes dizendo o que a gente tem que fazer ou não…

    • Ai, Kelly… Difícil, né? Todo mundo tem um palpite, eu sei, mas se vc quer o meu, o custo-benefício do bico foi bom. Usei uns dois meses, depois tirei e foi tranquilo.
      Algumas marcas são melhores do que as outras, com mais aberturas e menos espaço para juntar ar. Eu uso o da MAM e gosto muito, recomendo.
      Espero que dê certo!
      Boa sorte! 🙂

  4. Pingback: O bonde das mamadas | PAULAtinamente

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s